sábado, 29 de maio de 2010

IV Encontrão reúne 4 mil pessoas em Guarabira; Para Ricardo o povo da Paraíba quer mudança

O IV Encontro das Oposições levou cerca 4 mil de pessoas ao Colégio Estadual Nossa Senhora da Luz, em Guarabira, na noite de ontem. O evento multipartidário contou com a participação de cerca de 52 prefeitos da região.
Para o pré-candidato ao Governo do Estado, Ricardo Coutinho, o IV Encontro das Oposições mostra a força da população e o engajamento das pessoas na pré-campanha das oposições do Estado. "Quem olha em volta vê que estão aqui pessoas do povo, a população de Guarabira e do Brejo paraibano que veio dizer quer a mudança na Paraíba", afirmou.
Ricardo Coutinho (PSB), juntamente com os pré-candidatos ao Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB) e Efraim Morais (DEM), estiveram a frente do evento, que contou com o deputado estadual, Zenóbio Toscano (PSDB), e a ex-prefeita de Guarabira, Léa Toscano (PSB), como anfitriões.
O Encontro de Guarabira foi promovido pelos partidos PSB, PSDB, PTN, DEM, PPS, PP, PPC, PRP e PV e também por lideranças de outras seis legendas (PMDB, PT, PR, PTB e PDT).
O I Encontro das Oposições aconteceu na cidade de João Pessoa, no dia 1º de março. O II Encontro, em Campina Grande, em 17 de abril e o III no município de Sousa, no dia 15 de maio.

PolíticaPB com Assessoria

Couto aceita convite de Ricardo e dispara: “O PT foi enganado pelo governador José Maranhão”Couto aceita convite de Ricardo e dispara: “O PT foi enganado pelo governador José Maranhão”

O deputado federal Luiz Couto (PT) disse que aceita o convite feito na manhã de hoje pelo pré-candidato ao Governo da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSDB), para figurar em uma das vagas na chapa majoritária das oposições. Na ocasião, o deputado disse que o PT foi enganado pelo governador José Maranhão (PMDB) que prometeu a vaga de vice-governador à legenda.
“O governador enganou o PT com essa história de garantir a vaga de vice-governador ao companheiro Luciano Cartaxo e depois o excluiu totalmente do processo”, disse o parlamentar.
Couto disse ainda que a decisão cabe agora a Direção Estadual da legenda em mudar o posicionamento de apoiar a pré-candidatura de José Maranhão. “Vamos levar as discussões para a reunião estadual do partido que vai acontecer em junho. Iremos levar a proposta de ficarmos nas oposições”, frisou.
PolíticaPB

Ricardo Coutinho convida Luiz Couto para compor chapa

O presidente estadual do PSB e pré-candidato ao Governo da Paraíba, Ricardo Coutinho,  voltou a oferecer uma das vagas na majoritária das oposições ao PT paraibano e fez convite ao deputado federal Luiz Couto para ocupar o espaço. Segundo o socialista, o nome do deputado seria um bom nome para figurar na chapa oposicionista nas eleições deste ano.
As declarações e o convite do pré-candidato Ricardo Coutinho foram dadas no município de Patos durante a posse do novo presidente do PT municipal, Everaldo do PT. O socialista esteve acompanhado do deputado federal Luiz Couto, do presidente do diretório de João Pessoa, Antônio Barbosa, além de diversas lideranças petistas.
O primeiro convite para que o PT esteja na chapa majoritária das oposições foi feito pelo ex-prefeito durante a inauguração da nova sede do PT em João Pessoa. Na ocasião, Ricardo afirmou que a vaga de vice seria do PT caso o partido anunciasse apoio ao seu projeto político para as eleições deste ano.
PolíticaPB

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Convenção do PT vai homologar Dilma no dia 13 de junho

Acontece no dia 13 de junho, em Brasília, a Convenção Nacional do PT que vai homologar o nome da ex-ministra Dilma Rousseff como candidata do partido à Presidência da República.

A Convenção será no Centro de Eventos Unique Palace (Setor de Clubes Sul, Trecho 2, Conjunto 30), a partir das 10h.

Petistas interessados em participar devem procurar os respectivos Diretórios Estaduais, que irão fazer uma pré-inscrição e, posteriormente, definir as delegações.

Desemprego recua para 7,3% em abril, diz IBGE

A taxa de desemprego no Brasil foi de 7,3% em abril, informou nesta quinta-feira (27) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado, divulgado na Pesquisa Mensal de Emprego, representa um recuo tanto em relação a março, quando a taxa havia sido de 7,6%, quanto na comparação com abril de 2009, quando  havia sido de 8,9%.
O resultado veio abaixo da previsão de analistas, que estimavam taxa de 7,6%. No ano, o desempenho de abril foi o mais baixo desde janeiro.
Segundo o IBGE, é a taxa mais baixa para um mês de abril desde o início da série histórica em 2002.
O total de desocupados atingiu 1,710 milhão, queda de 4,4% mês a mês e recuo de 16,4% na comparação anual.

Prefeita de Pombal é internada com trombose na perna

A prefeita do município de Pombal, Polyana Feitosa (PT) sofreu um trobose na perna esquerda. Os primeiros sintomas foram sentidos durante a Marcha dos Prefeitos que foi realizada na semana passada, Em Brasília.
De acordo com a assessoria da prefeita, Polyana Feitosa após se sentir mal procurou atendimento médico, tendo sido diagnósticada a doença. O problema pode ter sido consequência de um acidente sofrido pela prefeita há cerca de 25 dias, quando ela teve o pé quebrado. Os médicos informaram que ela não teve o repouso necessário para a recuperação, por isso a circulação foi dificultada e o problema se agravado.
Polyana Feitosa está internada no Hospital da Unimed em Brasília e só deve retornar à Paraíba na próxima semana. Na tarde desta quarta-feira (26) ela recebeu a visita do deputado federal Luiz Couto. De acordo com boletim médico divulgado pela direção do hospital, o estado de saúde da gestora pública é bom, mas os médicos desaconselharam o seu deslocamento de avião.
A alta da prefeita está prevista para este final de semana. Ela deverá descansar para pdoer retornar à cidade de Pombal, na Paraíba. Enquando não retomada as atividades, o seu vice, Dr. Geraldo responde pela Prefeitura.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Prefeitura de Alagoinha abre 68 vagas

Encontram-se abertas as inscrições para o concurso público da Prefeitura de Alagoinha, a 8 km de Guarabira. Estão sendo disponibilizadas 68 vagas para os três níveis de escolaridade.

As inscrições podem ser feitas até o dia 11 de junho, através do site da empresa responsável pelo concurso, Exames Consultoria: www.examesconsultoria.com.

O valor da taxa de inscrição custa R$ 35, 00 para cargos de nível médio e fundamental e R$ 60,00 para os de nível superior.

Os salários variam de R$ 510 a R$ 1.320, dependo do curso selecionado. De acordo com o edital, as provas serão aplicadas em 18 de julho.

Confira os cargos e as vagas

COVEIRO (1)

AUXILIAR DE LIMPEZA URBANA (3)

OPERADOR DE MÁQUINAS (1)

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE (3)

GUARDA MUNICIPAL (2)

MOTORISTA CATEGORIA "D" (1)

ELETRICISTA (1)

AUXILIAR DE CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO (6)

TÉCNICO DE ENFERMAGEM (6)

DIGITADOR (1)

PROFESSOR POLIVALENTE (1)

PROFESSOR DE CIÊNCIAS (1)

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA (1)

PROFESSOR DE HISTÓRIA (1)

PROFESSOR DE GEOGRAFIA (1)

PROFESSOR DE MATEMÁTICA (2)

PROFESSOR DE PORTUGUÊS (1)

ENGENHEIRO CIVIL (1)

PROFESSOR PEDAGOGO (1)

MÉDICO VETERINÁRIO (1)

ASSISTENTE SOCIAL (1)

PSICÓLOGO (2)

FARMACÊUTICO (1)

FISIOTERAPEUTA (1)

NUTRICIONISTA (2)

FONOAUDIÓLOGO (1)

ENFERMEIRO (6)

MÉDICO PEDIATRA (1)

MÉDICO DERMATOLOGISTA (1)

MÉDICO GINECOLOGISTA (1)

MÉDICO CARDIOLOGISTA (1)

MÉDICO NEUROLOGISTA (1)

MÉDICO PLANTONISTA (5)

MÉDICO PSF (6)


PB Agora

terça-feira, 18 de maio de 2010

O Governo Alagoinha Para Todos vai realizar o maior carnaval fora de época do Brejo.

Durante três dias a cidade de Alagoinha vai sacudir, vai abalar e contagiar todos os foliões.
Já faz um bom tempo que o carnaval deixou de acontecer somente uma vez por ano. Para a satisfação dos foliões de plantão, Alagoinha vai ser tomada pelos trios elétricos ao som do axé music arrastando a multidão que deixará rastros de alegria e animação.
A organização do Alagoinha Fest oferecerá toda segurança necessária para que o folião se divirta tranquilamente e toda estrutura já está sendo preparada , sonorização e iluminação, aos espaços amplos que formarão o corredor da folia.
Comércio aquecido - Além de animar a população e os visitantes, o Alagoinha Fest vai aquecer o comércio e proporcionar emprego e renda para muitas famílias.
A prefeita Alcione Beltrão depois de sanear as finanças do município, cumpre mais uma vez sua palavra e realiza um anseio de todos os jovens da cidade: Alagoinha Fest 2010.
O Bloco Gato de Mato é uma das grandes novidades da festa.
21/05 (sexta) Beto e Banda Movimento (ex-s3), Banda Pagodear, Trio Pantera do Recife-PE
Dia 22/05 (sábado) Banda Nagibe, Pagode Axé 10, Trio Pantera do Pecife-PE

Dia23/05 (Domingo) Banda Luará,Galera do Arrocha,Trio Pantera do Recife-PE
Cid Cordeiro

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Petistas declaram apoio a RC e disparam: “O PT encontra-se em posição humilhante”

Petistas do município de Campina Grande elaboraram um manifesto declarando apoio a pré-candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao governo do Estado. Os militantes fazem parte da chapa “Uma Campina mais democrática” que disputou as últimas eleições do Processo de Eleição Direta (PED) ao diretório municipal.

No manifesto, o grupo critica a postura adotada pela tanto direção estadual da legenda, como também pela direção municipal, por estar subserviente aos interesses do PMDB, sem ter nenhum tipo de reciprocidade política. “Por aqui o PT decide apoiar o candidato do PMDB sem nenhuma reciprocidade política. Nenhuma exigência que equilibre os poderes na aliança”, diz a nota.

“O PT paraibano encontra-se em posição humilhante. Esta situação se reflete em Campina Grande, mas de forma amplificada. Aqui na Rainha da Borborema não temos, de fato, uma direção do PT. O que temos é uma representação do PMDB, uma espécie de célula do partido do prefeito, incapaz de pensar algum projeto autônomo para a cidade” continua o documento.

Por conta disso, os militantes decidiram apoiar a pré-candidatura de Ricardo Coutinho ao governo do Estado, entendendo que o socialista agrega o repeito às diferentes correntes partidárias, a participação popular e o novo modelo de administração pública.

“Nós enquanto minoria, devemos levantar a bandeira da pré-candidatura de Ricardo Coutinho a governador, como forma de fortalecer uma proposta que garanta um futuro menos conservador à política da Paraíba, com respeito às diferenças e a busca do atendimento às reais necessidades do povo do nosso Estado”, conclui.

Veja a nota na íntegra:

AS ELEIÇÕES DE 2010 E AS ALIANÇAS

Sempre fomos a favor de alianças. Elas fazem parte da vida de um partido político dentro da democracia.

Um país não deve ser governado por apenas uma proposta, uma visão, um projeto.

O diálogo entre os diferentes pontos de vista conduz à amplitude que garante a governabilidade.

Uma aliança política entre partidos, entre sujeitos políticos diferentes, dever ser feita com a negociação das diferenças, de forma que nenhum dos aliados se sinta superior e intolerante com o aliado.

O comportamento do PMDB a nível nacional está de acordo com esta visão de alianças que defendemos, exigindo reciprocidade para a participação deles na chapa que terá Dilma Roussef como candidata a Presidência da República.

As exigências do PMDB soam até arrogantes e exageradas. Cabe ao PT e aos demais partidos da aliança, limitar os desejos legítimos do PMDB a fim de que nenhum dos partidos esteja em condição que transforme os demais aliados em meros coadjuvantes.

Não é o que acontece com o PT da Paraíba.

Por aqui o PT decide apoiar o candidato do PMDB sem nenhuma reciprocidade política. Nenhuma exigência que equilibre os poderes na aliança.

O candidato do PMDB se sente no direito de ignorar o PT e os demais partidos aliados, fazendo a negociação diretamente com a direção nacional do PT.

Esta realidade só é possível porque a direção estadual do PT não entende a necessidade de fazer acordos políticos com o PMDB. Basta algumas concessões administrativas e acordos com algumas lideranças do PT para satisfazer a maioria que hoje “comanda” o PT paraibano.

O PT paraibano encontra-se em posição humilhante.

Esta situação se reflete em Campina Grande, mas de forma amplificada.

Aqui na Rainha da Borborema não temos, de fato, uma direção do PT. O que temos é uma representação do PMDB, uma espécie de célula do partido do prefeito, incapaz de pensar algum projeto autônomo para a cidade.

Estando satisfeita com os cargos administrativos que dispõem hoje, a maioria da direção municipal pensa e age como se do PMDB fosse.

Basta ver as declarações do atual presidente municipal e da ex-presidenta, para verificarmos que a preocupação com o futuro do PMDB é mais relevante do que o futuro do partido do qual fazem parte.

A defesa da candidatura de Veneziano a governador, e agora a defesa da candidatura de Vitalzinho a senador, sem qualquer menção aos candidato do PT, nas eleições deste ano, demonstram que estamos subservientes.

Nós enquanto minoria, devemos levantar a bandeira da pré-candidatura de Ricardo Coutinho a governador, como forma de fortalecer uma proposta que garanta um futuro menos conservador à política da Paraíba, com respeito às diferenças e a busca do atendimento às reais necessidades do povo do nosso Estado, que prepare o caminho para em 2012 buscarmos outras alternativas para a nossa cidade, distante dos caminhos trilhados nos últimos anos.

SUBSCREVEM:

Clemidia Tavares dos Santos

Eudes Leal

Jane Lucia Campelo

José Ivones G. de Lima

José Carlos Pereira

José Valter M. Campelo

Maria do Rosário Cardoso

Mercio Araújo

Pedro Luis Freire de Andrade (PEU)

Raimundo Augusto (Cajá)

OBS: A Chapa: “UMA CAMPINA MAIS DEMOCRÁTICA” que participou do PED também está envolvida no projeto RICARDO GOVERNADOR!!!

Governo Alagoinha Para Todos parabeniza as mães dos alunos da rede municipal de ensino


Com o tema: “Mãe, um ser fundamental em nossa vida”, a prefeita Alcione Beltrão prestigiou a festa realizada através da secretaria da educação acompanhada dos vereadores Zé Ronaldo, Maria de Jesus, Maria de Zé Roberto, Maria Solidade e tendo como convidados o deputado Zenóbio e a ex-prefeita de Guarabira Lea Toscano.
A festa foi marcada pelo enorme comparecimento das mães, distribuição de brindes, sorteios de uma TV, ventiladores, liquidificadores.
A secretária Ruth Karla fez uma surpresa que emocionou e fez chorar as mães ao apresentar vídeos que homenageavam as homenageadas do dia.
Mais uma vez a presença da Banda Maestro Cidalino Pimenta enalteceu a festa e a cantora Josy Gomes fez com que todos dançassem.
A prefeita Alcione Beltrão declarou: “É um momento que paramos para prestigiar as pessoas mais importantes da vida de todos nós, que são nossas mães. Vocês mães, sãos os pilares da construção das famílias. Dia das Mães é o momento das famílias. Você que tem sua mãe, não perca um momento, um segundo sequer de sua companhia. A vocês, mães e filhos, um excelente Dia das Mães!”

Dia 30 será a vez das mães dos alunos da zona rural.

Cid Cordeiro

CNT/Sensus indica empate técnico entre Serra e Dilma; petista aparece na frente

Pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta segunda-feira mostra empate técnico entre os presidenciáveis Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB), com uma leve vantagem da petista sobre o tucano.
A petista recebeu 35,7% das intenções de voto, enquanto o tucano ficou com 33,2%. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.
Marina Silva (PV) aparece em terceiro lugar, com 7,3% dos votos, enquanto pré-candidatos como José Maria Eymael (PSDC) e Américo de Souza (PSL) ficaram, respectivamente, com 1,1% e 1%. Outros pré-candidatos mencionados na pesquisa não registraram 1% dos votos.
Em uma segunda lista, apenas com os três presidenciáveis mais bem classificados nas pesquisas, Serra recebeu 37,8% das intenções de votos, enquanto Dilma obteve 37%.
Marina Silva recebeu 8% dos votos válidos. Os indecisos, brancos e nulos somam 17,3% nessa segunda lista. Em janeiro, edição anterior da CNT/Sensus, Serra tinha 40,7% dos votos, Dilma 28,5% e Marina 9,5%.
Espontânea
Pela primeira vez, Dilma aparece na frente de Serra na pesquisa espontânea --na qual não é apresentada a lista de candidatos aos eleitores.
A petista recebeu 19,8% das intenções de votos na espontânea, contra 14,4% do tucano.
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que não é candidato, aparece em terceiro lugar na espontânea, com 9,7%. Marina Silva fica em quarto lugar, com 2,7% dos votos, enquanto o deputado Ciro Gomes (PSB) aparece em quinto lugar com 0,3% das intenções de voto --embora já tenha descartado a sua candidatura à Presidência.
A pesquisa CNT/Sensus foi realizada entre os dias 10 e 14 de maio, em 136 municípios de 24 Estados. Foram ouvidas 2.000 pessoas. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número 11.548/2010.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Prefeito do PTB manda recado: “Posso até perder o mandato, mas não voto em Maranhão”

Integrante da ala do PTB que defende aliança com o ex-prefeito Ricardo Coutinho (PSB), o prefeito do município de Catolé do Rocha, Edvaldo Caetano, garantiu que a legenda está se organizando para participar do III “Encontrão das Oposições”, e assegurou que mesmo que o presidente do PTB na Paraíba, deputado Armando Abílio, o coloque para fora do partido, mas ele não vota em José Maranhão (PMDB).
“Defendo a aliança com o PSB, e mesmo que o Armando Abílio me coloque para fora do partido, eu posso até perder meu mandato, mas não voto em José Maranhão”, enfatizou Caetano.
O prefeito garantiu que a população da região está insatisfeita com a gestão do atual governador, e disse que Maranhão esqueceu do município e agora quer “tomar” a direção do Hospital da cidade por questões políticas: “Só devolvo com ordem judicial”, ratificou o prefeito.
PolíticaPB

Ricardo Coutinho admite diálogo com Rodrigo Soares

Em entrevista a um programa radiofônico da Campina FM, o pré-candidato Ricardo Coutinho (PSB) destacou o desejo de ter o Partido dos Trabalhadores alinhado ao projeto das oposições na Paraíba. Ricardo destacou que o PSB e o PT tem propostas similares e por este motivo deveriam estar juntos durante a disputa eleitoral que se aproxima.
“O PSB e PT têm similares conteúdos e propostas, evidentemente que por mais ufanista que as pessoas estejam do outro lado, elas percebem que a Paraíba está estagnada. Nosso Estado não tem projetos políticos e sobrevive de obras eventuais, nem tem projetos que modifiquem o perfil social, econômico e que nos prepare para o presente e futuro. É esse diálogo que tenho com uma parcela do PT e que desejo ter com o partido como um todo”, destacou.
Ricardo não descartou diálogos com o presidente estadual do partido, deputado Rodrigo Soares. Para Ricardo, essa aproximação tem raízes históricas: “Não é só um debate para formação de uma chapa, mas que tem raízes totalmente diferentes entre propostas e história”, concluiu o socialista.

Couto se irrita com Maranhão e dispara: “Não vou deixar que ele interfira nos destinos do PT”

O deputado federal Luiz Couto disse que não vai permitir que o governador José Maranhão (PMDB) continue interferindo nas discussões internas do PT na Paraíba. Segundo o parlamentar, a legenda está sendo descartada pela chapa peemedebista e não pode continuar aceitando tudo de forma pacata.
“O que não pode é o PT ficar sem participação na chapa majoritária. O PMDB quer descartar os petistas, mas não vou permitir isso. É preciso que a Direção Nacional chame o feito a ordem na Paraíba”, disse o deputado.
Couto revelou ainda que o PT enfrenta problemas em outros estados a exemplo de Minas Gerais e do Amapá. De acordo com ele, em todos esses estados, inclusive a Paraíba, a crise está sendo causado pelo PMDB que “deseja abocanhar tudo”.
O deputado federal voltou a afirmar que não existe possibilidade de estar no mesmo palanque do governador José Maranhão e com isso descarta a pretensão, de alguns petistas que insistem no nome do parlamentar, para ocupar uma das vagas ao Senado Federal na chapa peemedebista.
PolíticaPB

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Nordeste recebe 150 mil novas vagas para o Projovem Adolescente

Os nove Estados do Nordeste brasileiro foram contemplados com mais 150.725 vagas para o Projovem Adolescente – serviço socioeducativo coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) para rapazes e moças de 15 a 17 anos integrantes de famílias beneficiárias do Bolsa Família ou vindos de outros programas sociais.
 
O ministério disponibilizou 15.450 vagas para o Maranhão; 7.300 para o Piauí; 27.450 para o Ceará; 5.525 para o Rio Grande do Norte; 10.875 para a Paraíba; 28.025 em Pernambuco; 10.550 em Alagoas; 7.175 em Sergipe, e a Bahia recebeu mais 38.375 vagas para o programa.

O Projovem Adolescente oferece atividades que desenvolvem as potencialidades de seus participantes e que estimulam o convívio familiar e a participação cidadã. Tem a duração de 24 meses e é executado nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), parte deles cofinanciada pelo ministério.

O Ministério do Desenvolvimento Social ampliou o número de vagas do Projovem Adolescente para todo o País. Foram oferecidas 370mil vagas em 2.511 municípios brasileiros. As localidades foram selecionadas levando-se em conta alguns critérios, como possuir pelo menos um Centro de Referência de Assistência Social e reunir, no mínimo, 40 adolescentes de famílias beneficiadas pelo Bolsa Família.

O Termo de Adesão e Compromisso do Projovem Adolescente deve ser preenchido pelos gestores municipais até o dia 31 de maio de 2010. O documento está disponível no endereço www.mds.gov.br/suas.

Ana Soares


Informações para a imprensa
Ana Soares / Aline Menezes (61) 3433-1051 / 3433-1065 ASCOM / MDS

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Couto descarta ser candidato a senador na chapa de José Maranhão

O deputado federal Luiz Couto (PT) disse que o deputado Rodrigo Soares está trabalhando para desconstruir a candidatura dele à reeleição de deputado federal, quando defende o seu nome para concorrer ao Senado Federal na chapa de José Maranhão. “Todos sabem que eu já descartei essa possibilidade", afirmou.
"Não há como sair candidato ao Senado ao lado de José Maranhão, já que sou absolutamente crítico ao Governo Maranhão III, que não tem identificação com o projeto político nem administrativo do PT e do Governo Lula”, acrescentou o parlamentar.
Couto declarou que só sairia candidato ao Senado se fosse para servir a um projeto que trouxesse mais qualidade de vida aos paraibanos, que para ele é representado pelo candidato do PSB, Ricardo Coutinho.
“A outra possibilidade seria o PT lançar candidatura avulsa ao Senado, caso a Direção do PT na Paraíba tenha realmente interesse em defender um projeto para o nosso partido, para os paraibanos e uma candidatura ao Senado que contribua com a eleição de Dilma para presidente da República”, enfatizou o parlamentar.

Deu no Terra: Pré-candidato de partido aliado nega apoio a Serra na Paraíba e fica com Dilma

O presidente Estadual do PSB paraibano e pré-candidato ao governo do Estado, Ricardo Coutinho, reafirmou o seu apoio a pré-candidata à Presidência da República, Dilma Roussef (PT). Informações publicadas na imprensa davam como certo o apoio do socialista a José Serra (PDSB), uma vez, que os tucanos optaram pelo apoio a chapa que deve ser encabeçada pelo PSB no Estado.

Ricardo Coutinho já havia anunciado que com a desistência de Ciro Gomes (PSB) em disputar o posto de presidente, apoiaria a petista Dilma. Segundo Ricardo, não tem fundamento as especulações de uma possível mudança de voto nas eleições deste ano.

"Entre as conversas com o PSDB não se chegou a essa imposição para que eu votasse em Serra", afirmou.

O ex-governador, Cássio Cunha Lima (PSDB), também saiu em defesa de Coutinho e disse que sempre ficou claro que ele apoiaria Dilma em caso de desistência de Ciro. O tucano afirmou também que Serra sempre teve e terá palanque na Paraíba, que será montado pelo PSDB, DEM e outras legendas que estão apoiando nacionalmente a candidatura do tucano. Para Cássio devido a diversidade política existente no Brasil é impossível verticalizar as campanhas.

O PSDB declarou apoio à pré-candidatura do socialista após muito impasse e da desistência do senador Cícero Lucena (PSDB) em disputar o posto de governador. Lucena insistia em ser candidato, mas Cássio, uma das maiores lideranças do partido, defendia o apoio à chapa que deve ser encabeçada por Ricardo Coutinho.

Após a desistência de Cícero, o PSDB encontra-se rachado: parte das lideranças está com Ricardo, alguns tucanos declaram apoio ao projeto político do governador José Maranhão (PMDB) e outros militantes informaram que não terão candidato a governador nas eleições deste ano.  


Terra

Mais um prefeito anuncia apoio a pré-candidatura de Ricardo Coutinho ao Governo da PB

Após a adesão da prefeita de Emas, Fernanda Loureiro (PSDB), no último fim de semana, a pré-candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo do Estado, nesta segunda-feira (10) foi a vez do prefeito do município de Olho D’Água, Francisco Carvalho (PSDB), também anunciar apoio a pré-candidatura do socialista.
O prefeito disse que aguardava a decisão do presidente do seu partido, senador Cícero Lucena, sobre o assunto. “Como Cícero decidiu não concorrer ao cargo de governador, então vamos marchar unidos com a oposição em 2010” afirmou.
Chico Carvalho – como é conhecido em toda a região – acredita que a pré-candidatura de Ricardo Coutinho como representante das forças de oposição no Estado, irá ganhar mais adesões até o dia das eleições. “Tenho certeza que a coligação vai crescer cada vez mais, pois a Paraíba precisa de um futuro melhor e isso só será possível com a saída do atual governador”, defendeu.
Na noite do último sábado (8), a prefeita do município de Emas, Fernanda Loureiro, anunciou apoio a pré-candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo do Estado. A gestora, assim como Chico Carvalho, apoiava a pré-candidatura do senador Cícero Lucena (PSDB), mas com a desistência do tucano de concorrer ao pleito, decidiu aderir ao projeto de uma futura campanha encabeçada por Ricardo.
Assessoria

Lula recebe prêmio da ONU como campeão mundial na luta contra a fome

Depois de a revista Time publicar que o presidente Lula é um dos homens mais influentes do mundo, agora ele recebe um novo prêmio, desta vez o de "Campeão Mundial na Luta contra a Fome", da ONU, que será entregue pela diretora executiva do Programa Mundial de Alimentos, PMA, Josette Sheeran, que inicia visita ao Brasil na próxima semana.

Segundo o PMA o prêmio destaca a importância da parceria com o Brasil em momentos como o terremoto no Haiti e representa ainda o reconhecimento dos esforços do governo do pais no cumprimento das Metas do Milênio.

Além do encontro com Lula, Sheeran visitará projetos do programa Fome Zero em cidades próximas a Brasília. E no dia 10, participa do encontro "Diálogo Brasil-Africa sobre Segurança Alimentar", que envolve o governo brasileiro e ministros da agricultura de vários países africanos.

O diretor do Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil, Unic-Rio, Giancarlo Summa, falou à Rádio ONU sobre a importância do prêmio."É um reconhecimento do papel que o Brasil desempenha na luta contra fome, seja internamente e no cenário internacional. O Brasil está empenhado na África em cooperação técnica com dezenas de paíse

Rômulo vai ser o vice de RC e Romero sairá a federal

Exclusivo: O deputado estadual Romero Rodrigues (PSDB) trabalha, nos bastidores, para alçar voos mais altos. Rodrigues quer disputar a Câmara Federal e sobre o tema já conversou até com o colega campinense, Rômulo Gouveia (PSDB).

De acordo com informações obtidas pelo portal PB Agora, e ratificadas pelo blog do Victor Paiva, uma articulação com o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) já teria decidido pelo nome do gordinho para ocupar a vice governadoria na chapa socialista.

Como adiantou o ex-governador, Cássio Cunha Lima, a vaga de vice na chapa do socialista, Ricardo Cotinho, será mesmo do PSDB. Nesse contexto o deputado federal, Rômulo Gouveia, voltou à cena como o nome ideal e já testado eleitoralmente nas urnas.

Rômulo Gouveia revelou que no último sábado (7), recebeu a confirmação do próprio Romero quanto ao desejo de disputar a Câmara.

“Conversamos sobre isso no Ingá, onde fazemos dobradinha. Esse seria o cenário ideal, mas, trabalho com projetos. Não está nos meus planos. O meu projeto é disputar a reeleição para a Câmara Federal”, reafirmou.

Indagado sobre a concorrência com o colega campinense o deputado foi enfático. “Não vejo dificuldades. Na outra eleição tínhamos Ronaldo. Estou tranqüilo, pois já tenho minhas bases”, revelou RG.


Márcia Dias/ Henrique Lima

Com Blog do Victor Paiva

Paraíba desviou dinheiro e deixou de repassar R$ 2,8 mi

A Paraíba deixou de aplicar durante o ano passado R$ 2.879.925,24 em ensino básico. O dinheiro deveria ter sido repassado ao Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), principal mecanismo de financiamento da rede pública de ensino. Mas, numa espécie de sonegação contábil, acabou livre para custear outras atividades com o recurso que deveria ser destinado para a área de educação. A constatação sobre o desvio foi do próprio Ministério da Educação (MEC).

De acordo com os dados do MEC, os 21 estados deixaram de aplicar R$ 1,2 bilhão em ensino básico no ano passado. Se somar a esse valor R$ 921 milhões que o governo do Distrito Federal deixou de injetar no Fundeb, esse montante sobe para R$ 2,1 bilhões. O balanço de contas do MEC, que traz estes dados foi publicado no Diário Oficial em 19 de abril.

O Ministério já enviou informações sobre o caso aos Conselhos de Acompanhamento e Controle Social do Fundo, aos Tribunais de Contas da União, Estados e Municípios e ao Ministério Público Federal e Estadual, aos Governos dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. O MEC defende o aumento dos investimentos na área de educação, por isso, quer evitar desvios nas verbas legalmente reservadas para o ensino.

A receita disponibilizada pela União, Estados ao Fundeb na Paraíba no ano passado foi de R$ 1.298.589.262,29, enquanto o total de receitas efetivas do Fudeb 2009 para o Estado foi de R$ 1.258.137.436,02. Já a receita efetivamente destinada ao Fundeb, informadas pelos Estados foi de R$ 446.229.066,20.

PT faz reunião e nome de Luiz Couto deve ser apresentado para compor chapa de Maranhão

A Executiva Estadual do PT se reúne amanhã para definir um novo nome a ser indicado para compor a chapa majoritária do governador José Maranhão (PMDB). Segundo o presidente da legenda, deputado Rodrigo Soares, o nome mais forte e que deve ser anunciado é o do deputado federal Luiz Couto.

“O nome do deputado sempre foi lembrado para compor essa chapa. Amanhã faremos a escolha de forma democrática para apresentarmos um nome que deve ser indicado a um das vagas ao Senado ou até mesmo para a vice-governadoria”, afirmou Rodrigo.

O deputado voltou a descartar a aliança com Ricardo Coutinho. “Essa aliança está totalmente descartada já que o PSB decidiu em compor chapa com o PSDB e com o DEM. Não existe possibilidade de estarmos no mesmo palanque”, frisou.

PolíticaPB

Cássio contraria imprensa nacional e diz que sem Ciro, Ricardo sinalizou apoio a Dilma

Contrariando a imprensa nacional, o ex-governador Cássio Cunha Lima disse em entrevista a uma rádio campinense que sempre ficou claro que o ex-prefeito de João Pessoa Ricardo Coutinho (PSB) apoiaria Ciro Gomes, caso ele fosse candidato. Do contrário sua manifestação seria em prol da candidata Dilma Roussef (PT), mas admitiu que esse fato ainda seria discutido nos próximos dias que antecedem as convenções.

O ex-governador disse ainda que as pessoas confundem candidatura própria com palanque e disparou: “Serra sempre teve palanque e terá palanque na Paraíba formado por Cícero Lucena (PSDB), por mim obviamente, Efraim Morais (DEM) e por várias outras legendas que estão apoiando nacionalmente a candidatura de José Serra a presidência do Brasil. Disso nós não abriremos mão”.

Cássio Cunha Lima explicou ainda que com toda a diversidade política existente na imensidão territorial do Brasil, é impossível verticalizar as campanhas. “Tanto é impossível que a própria legislação eleitoral tentou e acabou sendo modificada. Diante da complexidade política que vivemos é impossível se verticalizar as coligações”, frisou.

O maior exemplo dessa complexidade para o ex-governador é o Partido Socialista Cristão que declarou apoio a candidatura do presidenciável José Serra, mas no estado não apóia a coligação PSB/PSDB/DEM. “O PSC não marcha em nível estadual conosco, mas faremos conversas ainda com essa legenda”, finalizou.


Simone Duarte

PB Agora 

Em Mari: uma visita... um aperto de mão

Dias atrás o deputado federal Luiz Couto visitou a cidade de Mari acompanhado da vereadora do PT de Alagoinha Maria de Jesus. O deputado concedeu uma concorrida entrevista a radio Araçá FM e logo em seguida um encontro com lideranças do PT mariense.

O prefeito Antonio Gomes preparou uma festa para comemorar o 1º de maio, porém antes dos festejos recebeu em sua casa a visita do deputado Luiz Couto para uma conversa bastante amistosa. O prefeito fez um pequeno relato das dificuldades enfrentadas e Luiz Couto se colocou a disposição para os encaminhamentos das prioridades do município.

Cid Cordeiro

Socorro Brito “sonha” com votos do PT de Alagoinha... mas “tá” difícil

Socorro Brito tenta recuperar o tempo perdido na corrida eleitoral de 2010. Na última quarta (05) a vereadora Maria de Jesus estava no seu trabalho na secretaria da educação quando recebeu um telefonema e do outro lado Socorro Brito solicitava uma reunião para discutir sua pré-candidatura. Mal terminou o telefonema ela aparece para surpresa da vereadora.

Com sorriso de pré-candidata no rosto ela falava da importância do movimento de mulheres do PT e que já estava organizando encontros no Brejo para falar sobre a pré-candidatura de Dilma à presidência.

A vereadora Maria de Jesus depois de refeita do impacto da visita respirou fundo e disse: “sempre me ressenti de apoios de integrantes do partido nas minhas campanhas, só contando com Luiz Couto. Por isso, comungo das decisões políticas dele”.

A vereadora é vítima de perseguições orquestradas pelo grupo que faz oposição a prefeita Alcione Beltrão no governo Maranhão III. Em verdade a vereadora Maria de Jesus tem sido um destaque do PT na Paraíba e sua lealdade e admiração ao deputado federal Luiz Couto e a prefeita Alcione são incontestáveis.

Cid Cordeiro

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Couto que quer convencer Cartaxo a fazer oposição

"O PT não pode se render aos caprichos do PMDB". Com essa afirmativa, o deputado federal Luiz Couto (PT) revelou reunião, este final de semana, com o vice-governador Luciano Cartaxo (PT), que foi excluído do projeto político do governador José Maranhão (PMDB). O encontro tem a finalidade de buscar o entendimento com Cartaxo e garantir apoio ao ex-prefeito Ricardo Coutinho (PSB).
“Na política não existe o impossível, e sim o improvável. O que vi ontem, quando o companheiro Luciano Cartaxo se rendeu e colocou o nome para disputar uma vaga de deputado estadual, foi mais uma humilhação promovida contra o Partido dos Trabalhadores. Não podemos continuar nos agachando às ingerências de José Maranhão. Este final de semana vou procurar Luciano para afinarmos o diálogo”, disse Couto, contrariando a tese de Anselmo Castilho, que descartou aproximação entre PT e PSB.
Couto pretende reunir os petistas que defendem a pré-candidatura socialista para buscar fortalecimento junto a direção nacional do PT e garantir aliança com Ricardo Coutinho.
O único impedimento, na visão de Couto, era a candidatura de Ciro Gomes (PSB) a sucessão presidencial. Porém, a candidatura foi retirada, e segundo o petista, “as conversações da executiva nacional do PT com a do PSB, em Brasília, indicam para aproximação entre os partidos nos Estado, e a Paraíba está incluída nessa lista”, revelou.
Couto reafirmou que defenderá aliança com os socialistas e disse que nenhum discurso pode se sobrepor as decisões nacionais: “Anselmo tem um discurso vazio. O PT decidiu pelo nome de Luciano, mas nada fez para exigir, junto a Maranhão, o cumprimento da decisão partidária, por estes motivos é que acredito na aproximação com o PSB”, finalizou Couto.
PolíticaPB

quinta-feira, 6 de maio de 2010

PSB confirma apoio à pré-candidatura de Dilma à Presidência

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) confirmou na tarde desta quarta-feira (6), em Brasília, o apoio oficial à pré-candidata do PT, ex-ministra Dilma Rousseff , à Presidência da República.
O anúncio foi feito pelo presidente nacional da sigla, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, durante entrevista coletiva no Hotel Brasília Alvorada, que contou também com a presença do presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, e da pré-candidata Dilma Rousseff. O secretário geral nacional do PT, José Eduardo Cardozo, também participou do evento, juntamente com demais membros da direção nacional do PSB.
Eduardo Campos afirmou que o partido reunirá sua direção nacional no próximo dia 21 para formalizar o apoio á pré-candidata do PT, Dilma Rousseff. O partido desistiu da candidatura própria do deputado Ciro Gomes (PSB-CE) para apoiar o projeto petista.
As direções do PT e do PSB almoçaram hoje com Dilma e trataram da aliança. Dilma disse que está muito feliz com a decisão e que seu projeto ganha muito com a adesão dos PSB. “É uma decisão muito importante porque o PSB foi um aliado histórico do projeto do PT ao longo do processo desde a redemocratização. Considero que nós temos uma visão de país comum e temos uma visão de projeto extremamente próxima. Por isso, eu fico muito feliz porque também tenho relações afetivas muito grandes com os integrantes do PSB”, disse Dilma.

Ela fez questão de falar novamente que nutre respeito e afeto pelo deputado Ciro Gomes e que conversará com ele sobre a aliança do PT e do PSB. “Vou repetir o que eu disse ao longo de todo esse processo. Eu respeito, admiro e tenho a maior consideração pelo deputado e ex-ministro Ciro Gomes e, além disso, tenho relações afetivas com o deputado. E como eu disse tenho certeza que nós sempre estaremos do mesmo lado, porque eu conheço, sobretudo, a capacidade de luta e a lealdade do deputado. Farei sempre questão de procurá-lo, porque eu o considero um amigo”, comentou.

Campos afirmou ainda que o PSB quer ajudar na construção do programa de governo e ajudar nas alianças regionais do grupo político que apóia Dilma. “Queremos participar no conteúdo do programa, na coordenação da campanha para que ela seja de todos [os aliados] e não de alguns partidos”, disse.

Os socialistas vêm somar ao PMDB, PCdoB, PDT e PR que também já anunciaram apoio à pré-candidata do PT.

Castilho descarta aproximação do PT com o PSB e indica nome de Jeová Campos para vaga de vice

 Depois do anúncio de desistência de Luciano Cartaxo (PT) de permanecer na briga pela vaga de vice-governador na chapa do PMDB, secretário de Articulação Governamental de Brasília, Anselmo Castilho, descartou a possibilidade de Luciano seguir com apoio a Ricardo Coutinho (PSB), e disse que o PT pode indicar Jeová Campos para ocupar vaga de vice.
“A decisão de Cartaxo foi uma desistência pessoal, não foi o partido que desistiu do nome dele. Mas o companheiro irá seguir a orientação do partido, que na grande maioria, exatamente 80% do partido decidiu, em fevereiro, pelo apoio a José Maranhão”, garantiu Anselmo.
O secretário revelou que o PT fará uma nova reunião para decidir qual será o novo nome que a legenda irá oferecer ao governador José Maranhão (PMDB). Castilho garantiu que o PT dispõe de candidatos expressivos e citou o deputado Jeová Campos, mas lembrou também de Rodrigo Soares, Frei Anastácio e até do vereador campinense Perón Japiassu.
Castilho disse acreditar que a vaga de vice-governador na chapa majoritária do PMDB é naturalmente do PT, já que as duas vagas para o Senado Federal estão, não oficialmente, reservadas para os deputados Vitalzinho (PMDB) e Wilson Santiago (PMDB).
A tese de aproximação com o PSB deve ser descartada, essa foi a orientação que Castilho deu a Luiz Couto e aos outros petistas que defendem o projeto socialista: “ É hora de nós fazemos um chamamento para que eles se preocupem, nesse momento, com a construção feita ao lado do PMDB, porque a decisão interna já foi tomada, não há espaço para outras teses que dizem respeito ao ego e decisões pessoais”, concluiu Castilho.
Rodrigo Soares, convocou uma reunião da executiva estadual para a próxima terça-feira, 11, às 19 horas na sede do partido para discutir qual a atitude que o partido deve tomar diante da desistência de Luciano Cartaxo, e qual será o próximo nome indicado pelo PT.
O secretário concedeu entrevista, na manhã de hoje, a rádio CBN de João Pessoa.
PolíticaPB

Luiz Couto diz que sociedade ganha com aprovação do Ficha Limpa

O deputado federal Luiz Couto (PT) disse que a sociedade brasileira ganha e cumpre o seu papel de fiscalizar o exercício público dos políticos com a aprovação do Projeto “Ficha Limpa”. A força da sociedade está expressa e respaldada nas 1,5 milhão de assinaturas constantes na proposta de iniciativa popular que chegou à Câmara Federal. “A sociedade quer transparência e seriedade na política. Quer qualidade no desempenho dos políticos e das políticas apresentadas por eles”, disse Couto.
 
O deputado lembrou que sua luta contra a corrupção na política vem desde o primeiro mandato como deputado estadual quando apresentou e defendeu vários projetos para barrar os privilégios dos parlamentares e continua com a defesa da Emenda Constitucional N° 422-A, apresentado por ele na Câmara Federal, que acrescenta parágrafo ao art. 125 da Constituição Federal, solicitando a criação de Varas Especializadas para julgar ações contra atos de improbidade administrativa, dando mais celeridade aos julgamentos de crime de corrupção.
 
“A função pública deve ter à frente homens e mulheres de bem, que trabalhe em favor da sociedade, com ética e honestidade. A sociedade está de parabéns com a aprovação do Ficha Limpa. De minha parte, vou continuar lutando para que projetos como esse e como nossa emenda, que está em tramitação na Câmara, sejam aprovados e postos em prática. Desta forma, faremos com que os maus políticos sejam banidos da vida pública”, declarou o deputado.

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Projeto Ficha Limpa é aprovado na Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados aprovou, no início da madrugada desta quarta-feira (5/5), com 389 votos a favor e nenhum contra, o substitutivo do deputado José Eduardo Cardozo (PT-SP) ao texto principal do projeto de lei Ficha Limpa, que impede candidaturas de condenados pela Justiça há mais de dois anos de prisão.
“Esperamos que este fato, ao lado de tantos outros que produzimos ao longo do tempo, tenha repercussão nacional, que o povo saiba que sem um Congresso soberano, não há democracia”, discursou o presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB-SP).
“Hoje, fica provado que quando a população participa da política, é possível mudar a história”, comemorou a deputada Manuela D´Ávila (PCdoB-RS).   
Agora, os deputados analisarão, no mínimo, 12 destaques que podem alterar o conteúdo do texto aprovado. Não há  prazo para a conclusão da análise dessas emendas. Todavia, os parlamentares tentarão, ainda hoje, chegar a um acordo para que a tramitação seja rápida. 
Ontem, cerca de 50 manifestantes fizeram uma limpeza simbólica da rampa do Congresso Nacional para pedir a votação do Ficha Limpa e que as novas regras já sejam válidas para as eleições de outubro.
“Ainda dá tempo, nossa esperança é que valha para esta eleição”, afirma a representante da organização não-governamental Avaaz, Graziela Tanaka. “O jogador tem de entrar em campo limpo”, lembra a estudante Sandra Mairol. 
O juiz e coordenador do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), Marlon Reis, enfatiza que a proposta parlamentar reflete um desejo da sociedade: “toda a população brasileira gostaria de ver essa faxina que está sendo feita aqui, lá dentro do Congresso”.
O MCCE, composto por mais de 40 entidades, conseguiu reunir mais de quatro milhões de assinaturas a favor da proposta legislativa. Saiba mais sobre o MCCE.

Prazo para inscrição de vice no PT se encerra próxima semana e nenhum filiado apresentou nome

Com a desistência do vice-governador Luciano Cartaxo em oferecer seu nome para possivelmente ocupar a vaga de vice na chapa encabeçada pelo governador José Maranhão (PMDB) o PT paraibano passa a enfrentar um novo problema. É que o prazo para os interessados petistas se inscreverem para concorrer ao cargo se encerra na próxima quarta-feira (12 de maio) e até agora, nenhum outro petista apresentou o nome para disputar a vaga ao lado do governador José Maranhão (PMDB).

Segundo o vice-presidente do PT de João Pessoa, Jackson Macêdo, nenhum outro petista vai querer abdicar das suas candidaturas a deputados estaduais e federais para apresentar o nome para vice-governador. O temor dos petistas é que, com isso, o partido perca tanto a vaga de vice como um dos espaços para o Senado Federal.

“Nomes como Luiz Couto, Frei Anástácio e Jeová Campos não vão deixar suas candidaturas para se inscrever a vaga de vice. O PT está em um bêco sem saída sem um nome para a vice”, disse o vice presidente petista, acrescentando que o melhor nome para ser vice de Maranhão é o do próprio Rodrigo Soares.

Nessa perspectiva, parte dos que compõem o PT paraibano estão sugerindo que o presidente estadual da legenda, deputado Rodrigo Soares, apresente o seu nome para ser o vice-governador na chapa de José Maranhão. A solicitação dos petistas pelo nome de Rodrigo surgiu depois que o deputado garantiu que o PT tem 113% de chance de indicar o vice-governador.

Feliz Aniversário Cristiano Alves!!!!


Querido leitores Gostaria de fazer o registro no meu Blog, do aniversário de Cristiano Alves, este Radialista e Blogeiro que tão bem desempenha seu papel de deixar a população de Alagoinha informada, com o que é notícia. Desde já, parabenizo este Alagoinhanse de coração são os sinceros votos da amiga Maria de Jesus e família.

Depositados R$ 330,8 milhões para alimentação e transporte

Estados e municípios brasileiros acabam de receber a terceira parcela do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) transferiu R$ 316,6 milhões para as secretarias estaduais e municipais de educação na última sexta-feira, 30 de abril.

Esse dinheiro está disponível nas contas bancárias dos governos estaduais e das prefeituras a partir de ontem terça-feira, 4, e deve ser usado exclusivamente para a aquisição de gêneros alimentícios para a merenda escolar dos 47 milhões de estudantes da rede pública brasileira de educação básica.

Também foram depositados nas contas dos estados e municípios R$ 14,2 milhões referentes ao Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate), para serem utilizados na manutenção dos ônibus, compra de combustível ou terceirização do serviço de transporte dos alunos que vivem no campo.

Orçamentos – O orçamento do Pnae para 2010 é de R$ 3 bilhões. Desse total, 30% (R$ 900 milhões) devem ser investidos na compra direta de produtos da agricultura familiar, medida que estimula o desenvolvimento econômico das comunidades.

Já o orçamento do programa de apoio ao transporte escolar, neste ano, é de R$ 655 milhões, a serem repassados em nove parcelas, de abril a novembro. Os recursos devem atender 4.990.112 alunos matriculados em escolas públicas do ensino infantil (277.404 alunos), do ensino fundamental (3.741.699 alunos) e do ensino médio (971.009 alunos) que vivem na zona rural.

O dinheiro enviado a cada estado e município pode ser conferido no portal do FNDE, em consultas online - Liberação de recursos.

Assessoria de Comunicação Social do FNDE

terça-feira, 4 de maio de 2010

Novo Visual

Bem-vindos ao novo visual do blog finalmente tenho o novo design a funcionar. O autor do design foi do meu filho Jonas Silva, do WebDesign. Estou muito contente com o novo “Layout”, que vai de encontro às indicações que dei ao Jonas daquilo que queria para o blog. Mantive muito do anterior tema, onde eu já tinha feito alguns ajustes, e que considerava bastante funcional.

Em Brasília, Ricardo costura apoio do PT a sua pré-candidatura ao governo

Ricardo costura em Brasília apoio do PT a sua pré-candidatura ao governo
Articulação acontece poucos dias depois que o deputado federal Ciro Gomes (CE) desistiu de disputar a presidência da República, decisão que leva os socialistas para próximo da pré-candidatura da ex-ministra Dilma Rousseff
O ex-prefeito Ricardo Coutinho (PSB) está em Brasília costurando o apoio do Partido dos Trabalhadores a sua pré-candidatura ao governo do Estado nas eleições deste ano. A articulação acontece poucos dias depois que o deputado federal Ciro Gomes (CE) desistiu de disputar a presidência da República, decisão que leva os socialistas para próximo da pré-candidatura da ex-ministra Dilma Rousseff.
A reportagem do Paraíba.com apurou que o pré-candidato Ricardo Coutinho se encontrará com a cúpula nacional do PT no final da tarde desta terça-feira, 4. Ele irá acompanhando dos dirigentes nacional do Partido Socialista Brasileiro, inclusive com o aval do presidente e governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

Brasil já mostrou que pode crescer mais de 5%, ressalta Mantega

Em palestra realizada no seminário de 10 anos da instituição da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) no país, que ocorre em Brasília nesta terça-feira (4), o ministro da Fazenda, Guido Mantega, aconselhou o próximo governo a continuar na “trilha” de sua gestão, por acreditar que o “Brasil está preparado para um crescimento maior”. “O Brasil já mostrou que pode crescer mais de 5%”, afirmou Mantega.

Ele também disse ser contra o corte de gastos na gestão pública por acreditar que determinadas despesas estimulam o crescimento. “O melhor caminho para buscar equilíbrio fiscal é estimular crescimento da economia, porque aí arrecada mais sem penalizar a sociedade, sem cobrar impostos maiores. Aconselho os próximos governos a continuar nessa trilha”, disse. “Cortar certos gastos é ruim, porque você acaba diminuindo investimento, diminuindo a atividade econômica”, complementou.

A LRF foi instituída em 1999, durante o último mandato do governo Fernando Henrique Cardoso, com o objetivo de estabelecer limite de gastos e endividamentos aos governos estaduais e municipais, além de limitar a atuação dos bancos estaduais. Apesar de se opor a corte de gastos, Mantega lembrou que foi a austeridade dos governos estaduais e municipais a principal responsável pelo sucesso da LRF e da melhoria nas finanças públicas. Segundo ele, a LRF permitiu à União “estancar a hemorragia financeira que ocorria através dos estados e dos bancos estaduais”: “A lei consolidou o controle de gastos nas esferas estaduais.”

O ministro da Fazenda alertou, no entanto, que só as barreiras criadas pela norma não são suficientes para consolidar a solidez das contas públicas. Para Mantega, outras políticas de governo precisam atuar em conjunto para consolidar o objetivo da LRF. “A LRF é condição necessária, porém, não é suficiente para termos contas públicas sólidas. Ela não garante a solidez no longo prazo. É preciso que as demais políticas de governo caminhem na mesma direção”, afirmou.

Luiz Couto: PT na Paraíba foi terceirizado pelo governador Maranhão

O deputado federal Luiz Couto (PT) declarou nesta terça-feira (4) que o seu partido na Paraíba foi terceirizado pelo governador José Maranhão. Segundo ele, a direção estadual petista agachou-se e está a reboque do PMDB.

Em entrevista ao programa CBN-João Pessoa, ancorado pelo jornalista Nonato Guedes, Luiz Couto lembrou que o deputado Rodrigo Soares, seu sucessor na direção do PT na Paraíba, sempre disse defender que, na aliança com o PMDB, o partido só aceitaria o cargo de vice com o nome de Luciano Cartaxo (PT), mas agora não está se impondo para fazer prevalecer a reivindicação petista.

Na entrevista que foi reproduzida no programa Correio Debate, da Rádio 98/FM (Rede Correio Sat), o deputado federal petista comentou: na sua relação com o PMDB, o PT só tem importância porque tem votos, porque tem tempo de televisão e uma militância aguerrida. Apesar disso, porém, não consegue se impor diante do governador José Maranhão.

O deputado Luiz Couto adotou uma postura de dissidência interna no PT e se recusa a acatar a decisão do partido de manter a aliança política com o PMDB em torno da pré-candidatura de José Maranhão à reeleição.

Lula: Economia voltou a crescer de forma robusta, como não ocorria há 20 anos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao discursar ontem (3) no evento em comemoração aos dez anos do jornal Valor, ressaltou a importância da demanda interna para o crescimento econômico do país, assim como a mudança da política comercial implementada por seu governo. Lula ressaltou o retorno do ritmo forte de crescimento econômico do país, após a crise internacional.

"O fato é que enquanto as nações mais ricas se debatem entre desemprego e desequilíbrio fiscal, ameaçadas por um labirinto financeiro ainda não equacionado, a economia brasileira, após breve interregno, voltou a crescer de forma robusta como não acontecia há 20 anos", disse Lula.

O presidente afirmou que em março o consumo de energia subiu 12% em relação ao mesmo mês de 2009, puxado pela indústria. Citou dados que reforçam essa retomada: redução do nível de desemprego, confiança do consumidor no maior patamar desde 2008, estimativa de recorde na safra agrícola para este ano e o crescimento recente na indústria de São Paulo, a mais afetada durante a crise.

Lula voltou a defender o Mercosul e a diversificação de mercados, justificando que os EUA não podem ser mais considerados como o principal importador do mundo.

"A ênfase Sul-Sul e o comércio regional não cabem no espaço pequeno do preconceito ideológico nem podem ser tratadas superficialmente numa gincana eleitoral", disse Lula, numa referência às críticas que o pré-candidato tucano à Presidência da República vem fazendo ao bloco.

Para o presidente, a economia brasileira terá que se apoiar "cada vez mais" no mercado interno e na diversificação das parcerias comerciais internacionais.

Luiz Couto convida ministra do MDS para audiência Pública na Paraíba

O deputado federal Luiz Couto (PT) convidou a ministra de Desenvolvimento Social, Márcia Carvalho, para participar de audiência Pública na Paraíba, para tratar de assuntos relacionados aos programas sociais implantados pelo Ministério, como o Bolsa Família, Inclusão Digital, entre outros.

Couto convidará representantes de Movimentos Sociais, Civis e ONGs no Estado, para que contribuam com a discussão e diagnóstico sobre a abrangência e forma como estão sendo aplicados esses programas.

O parlamentar também tratou com a ministra sobre a liberação de emendas apresentadas por ele para projetos de construção de um Centro para Idosos, em João Pessoa (310 mil reais); de um Centro de Referência em Assistência Social (150 mil reais), em Sapé; para projeto de inclusão produtiva no município de Cuité, através de Consórcio de Segurança Alimentar e Desenvolvimento (100 mil reais) e para Projeto de Inclusão Digital em Santa Luzia (100 mil).

Segundo Couto, também entrou na pauta da audiência com a ministra, a ampliação do número de famílias a serem beneficiadas com o Programa Bolsa Família no município de Pocinhos. “Vamos ficar no aguardo da assessoria da ministra para agendar a audiência aqui na Paraíba. A vinda da ministra Márcia Carvalho será importante para que o MDS tenha uma visão realista de como os Programas Sociais estão funcionando na Paraíba”, disse Luiz Couto

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Depois do DEM, agora é o PP que admite abrir mão da corrida pela vaga de vice para tentar atrair adesão do PT

O Partido Progressista da Paraíba também poderá abrir mão da disputa pela vaga da vice na chapa do prefeito Ricardo Coutinho (PSB) em prol da facilitação para a adesão do Partido dos Trabalhadores ao bloco das oposições. A confirmação foi feita na tarde desta segunda-feira (03), ao portal PB Agora, pelo deputado estadual Aguinaldo Ribeiro (PP).

Na semana passada, o senador Efraim Morais (DEM), que é pré-candidato a uma das vagas ao Senado Federal na chapa de RC, também admitiu a possibilidade de abrir mão da disputa para ceder a vaga para o PT.

Apesar da possibilidade da “cessão”, Ribeiro ponderou e alertou que enquanto este fato novo não se concretiza (ou seja, o PT não oficializa adesão ao PSB), o PP continuará lutando pelo espaço de vice na majoritária por uma questão de lógica.

“Na lógica partidária caberia um outro partido integrar a chapa, pois já temos o PSDB, o DEM e o PSB, então, por uma questão de lógica, a vaga restante ficará com o PP, pois nós estamos dentro da construção e temos nomes para oferecer,”, pontuou.

De acordo com Aguinaldo, a discussão sobre a possível inserção do PT na majoritária só se dará quando o partido tomar um posicionamento oficial. “Se esse fato novo se tornar realidade, nós não faremos objeções e estaremos abertos para iniciar uma nova discussão e um novo debate”, falou.

Para o parlamentar, caso o PT continue nesse impasse, o partido acabará optando pela junção com os partidos de oposição. “O PT terá mais espaço e ainda por cima não desvirtuará da orientação do presidente Lula, pois também disponibilizaremos um palanque para Dilma, aqui no Estado”, explicou.